Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
18/05/18 às 9h44 - Atualizado em 11/06/18 às 8h52

Alunos de Planaltina tomam contato com influência espanhola no mundo

COMPARTILHAR
Atividade desta quinta-feira (17) faz parte do programa Embaixadas de Portas Abertas, que proporciona intercâmbio cultural a estudantes da rede pública de ensino.

 

Alunos do Centro de Ensino Fundamental Nossa Senhora de Fátima produziram releituras de obras de Miró durante visita à Embaixada da Espanha.
Alunos do Centro de Ensino Fundamental Nossa Senhora de Fátima produziram releituras de obras de Miró durante visita à Embaixada da Espanha. Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília

 

A iniciativa ocorreu no âmbito do programa Embaixadas de Portas Abertas, que promove intercâmbio de alunos da rede pública de ensino do Distrito Federal com a cultura de outros países.

 

Os 30 estudantes foram recebidos pelo conselheiro cultural da Embaixada da Espanha no Brasil, Toríbio de Prado. O diplomata explicou o funcionamento geral do órgão e guiou os jovens pelas dependências do prédio. Por sua vez, o oficial consular Ramón Parés explicou a rotina do consulado e a atribuição administrativa.

 

Na residência oficial, os estudantes aprenderam sobre a formação do território e a influência hispânica no mundo. Eles descobriram os quatro idiomas oficiais do país, as principais cidades e a atuação da Espanha na fundação de cidades brasileiras, como João Pessoa, na Paraíba.

 

“O programa amplia os nossos horizontes, a nossa posição no mundo. É importante para sabermos também a importância das cooperações”Márcia Rollemberg, colaboradora do governo de Brasília

 

A diretora do Instituto Cervantes, entidade responsável pela difusão da cultura espanhola no Brasil e em Brasília, Rosa Sanchéz, conversou com as crianças sobre a importância de conhecer o idioma.

 

“O espanhol (ou castelhano) é uma língua relativamente uniforme. É importante lembrar que vocês têm uma zona de língua espanhola bem próxima ao Brasil”, destacou.

 

Em seguida, os visitantes participaram de atividades lúdicas e conheceram o perfil dos principais pintores espanhóis: Pablo Picasso, Salvador Dalí e Joan Miró.

 

Uma vez apresentados às icônicas obras de cada artista, os estudantes foram convidados a reproduzir, a partir da memória, os quadros destacados pela assessora cultural da representação diplomática, Maria de Gado.

 

A criatividade dos participantes foi reconhecida pelo embaixador Fernando Villalonga. “Sejam muito bem-vindos à Embaixada da Espanha. Parabéns pelas pinturas. Vocês são artistas!”, disse.

 

A construção da identidade é um dos objetivos do programa, como destacou a colaboradora do governo de Brasília Márcia Rollemberg. “O programa amplia os nossos horizontes, a nossa posição no mundo. É importante para sabermos também a importância das cooperações”, disse.

 

Para o encerramento da visita, as crianças degustaram uma paella valenciana, à base de legumes e frango.

O que é programa Embaixadas de Portas Abertas?

 

Embaixadas de Portas Abertas começou, como piloto, em 2015 e foi instituído oficialmente em 9 de agosto de 2017.

 

A iniciativa é uma parceria da Assessoria Internacional com a Secretaria de Educação e a Sociedade de Transportes Coletivos de Brasília (TCB) — que leva os alunos às embaixadas.

 

As representações diplomáticas interessadas em participar podem enviar e-mail para assessoria.internacional@buriti.df.gov.br.

 

As atividades fazem parte do programa Criança Candanga, conjunto de políticas públicas voltadas para a infância e a adolescência em Brasília.

 

EDIÇÃO: VANNILDO MENDES

 

Veja as Fotos:

 

Alunos de Planaltina tomam contato com influência espanhola no mundo

 

Fonte: Agência Brasília

Sociedade de Transportes Coletivos de Brasília Ltda - Governo de Brasília

TCB

ENDEREÇO: SGON QUADRA 06 LOTE ÚNICO BLOCO A - CEP: 70610-660 Telefone: (Fax): (61) 3344-2769. | E-mail presidencia@tcb.df.gov.br